Greenpeace lança no Rio campanha em defesa da preservação dos mares

Todos os dias publicamos novos conteúdos e conquistamos um número cada vez maior de usuários. A equipe do portal AMA agradece a todos os usuários que acessam constantemente este site, que já é uma referência nacional sobre preservação ambiental e desenvolvimento sustentável. E lembre-se, não basta apenas conhecer os problemas, é necessário agir! Cada um fazendo sua parte, de forma consciente, ajuda a melhorar o ambiente em que todos nós vivemos.

Greenpeace lança no Rio campanha em defesa da preservação dos mares

Da Agência Brasil

A organização ambientalista Greenpeace lançou hoje (7), no Rio de Janeiro, uma campanha para alertar a população sobre a vulnerabilidade dos mares brasileiros, devido a fatores como mudanças climáticas e pesca predatória. A iniciativa é baseada no relatório À Deriva – Um Panorama dos Mares Brasileiros, elaborado pela própria organização e que reúne entrevistas com cerca de 40 estudiosos das condições da vida marinha.

O estudo mostra o aumento na temperatura dos oceanos, que acaba prejudicando a biodiversidade dos mares. Outra questão ressaltada é a baixa quantidade do estoques pesqueiros. Segundo o relatório, 80% das espécies economicamente exploradas no Brasil, como sardinha, tainha, camarão e corvina, estão ameaçadas.

De acordo com a coordenadora da campanha de Oceanos do Greenpeace Brasil, Leandra Gonçalves, é preciso manter o equilíbrio entre a produção e a capacidade natural de reposição dos estoques pesqueiros.

“O setor pesqueiro no Brasil emprega 800 mil pescadores e há cerca de 4 milhões de pessoas envolvidas. O Greenpeace de forma alguma visa a acabar com a atividade pesqueira, mas sim [busca] um manejo adequado desses estoques, ou seja, que haja fiscalização, regulamentação e pesca de outras espécies não-exploradas de forma regulada. Hoje não há governantes no setor pesqueiro e é necessária uma organização da pesca para que não se pare de pescar por causa da escassez.”

Para alertar sobre a necessidade de se adotar medidas em defesa dos oceanos, serão montados espaços cenográficos na Praça dos Patins, na Lagoa Rodrigo de Freitas, onde o visitante será estimulado, por meio de recursos interativos, a se engajar na causa. A instalação, chamada Entre Nessa Onda, ficará exposta entre os dias 10 e 12 de outubro, das 9h às 17h.

Agência Brasil

Sobre

Maurí­cio MachadoBiólogo e ambientalista, responsável pelo projeto AMAnatureza e articulista com fundamentos e conhecimento para discutir assuntos voltados ao meio ambiente com uma visão crítica, analisando o tema de maneira radical e completa.Ver todas as publicações de Maurí­cio Machado »

Deixar uma Resposta

Você precisa estar logado para publicar um comentário.