Movimentos sociais se reúnem no Rio para debater políticas públicas sociais para o país

Todos os dias publicamos novos conteúdos e conquistamos um número cada vez maior de usuários. A equipe do portal AMA agradece a todos os usuários que acessam constantemente este site, que já é uma referência nacional sobre preservação ambiental e desenvolvimento sustentável. E lembre-se, não basta apenas conhecer os problemas, é necessário agir! Cada um fazendo sua parte, de forma consciente, ajuda a melhorar o ambiente em que todos nós vivemos.

Movimentos sociais se reúnem no Rio para debater políticas públicas sociais para o país

Diego Paes
Da Agência Brasil

Debater políticas públicas sociais e unir os movimentos da sociedade civil em torno de bandeiras comuns é o objetivo do encontro que acontece neste fim de semana no campus da Praia Vermelha da Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ).

Segundo o ambientalista Sérgio Ricardo de Lima, o intuito do seminário dos Movimentos Sociais é unir forças para reivindicar políticas públicas sociais.

“Nos últimos anos tem havido uma intensa fragmentação dos movimentos sociais e com isso uma desorganização muito grande e a sociedade civil perdeu a força de pressão por política pública, então a idéia é juntar os movimentos para debater essa conjuntura” afirmou Sérgio Ricardo.

O objetivo é debater assuntos como a política de segurança pública, agronegócios, reindustrialização do estado do Rio de Janeiro, além de temas nacionais como a integração do Rio São Francisco às bacias hidrográficas do Nordeste Setrentional, a questão da anulação do leilão da Vale do Rio Doce e a utilização dos recursos do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES).

Participam do seminário movimentos da educação, juventude, dos direitos humanos, sindicatos, ambientalistas.

Segundo Sérgio Ricardo, outro propósito do evento é elaborar um calendário unificado e iniciar a construção de projetos de comunicação para a Plenária dos Movimentos Sociais e trabalhar para a formação política da militância.

Para o dia 26 de março está marcada uma manifestação em frente à sede do BNDES no Rio para protestar contra o investimento em grandes empresas e solicitar mais recursos públicos para cooperativas de agricultores que trabalham com o fomento à agricultura familiar e ecológica. A manifestação vai ter a participação de movimentos de todo o país.

Agência Brasil

Sobre

Maurí­cio MachadoBiólogo e ambientalista, responsável pelo projeto AMAnatureza e articulista com fundamentos e conhecimento para discutir assuntos voltados ao meio ambiente com uma visão crítica, analisando o tema de maneira radical e completa.Ver todas as publicações de Maurí­cio Machado »

Deixar uma Resposta

Você precisa estar logado para publicar um comentário.