Rio vai sediar encontro mundial sobre moradia e urbanização em 2010

Todos os dias publicamos novos conteúdos e conquistamos um número cada vez maior de usuários. A equipe do portal AMA agradece a todos os usuários que acessam constantemente este site, que já é uma referência nacional sobre preservação ambiental e desenvolvimento sustentável. E lembre-se, não basta apenas conhecer os problemas, é necessário agir! Cada um fazendo sua parte, de forma consciente, ajuda a melhorar o ambiente em que todos nós vivemos.

Rio vai sediar encontro mundial sobre moradia e urbanização em 2010

Isabela Vieira
Repórter da Agência Brasil

O Rio de Janeiro será palco em 2010 das discussões do 5° Fórum Urbano Mundial, evento da Organização das Nações Unidas (ONU), que promete a avaliar e propor políticas públicas para os problemas decorrentes de moradia e urbanização.

O anúncio foi feito pelo ministro das Cidades, Marcio Fortes, pelo governadordo estado, Sérgio Cabral, e pelo prefeito eleito do Rio, Eduardo Paes. A divulgação oficial será feita pelo governo federal, na próxima semana, durante a quarta edição do Fórum, na cidade de Nanjing, na China.

“As pessoas pensam que infra-estrutura é só [a construção de] casas. Mas não é só isso. È a construção de lares. As pessoas têm um lar quando têm parede, mas, ao lado dela, infra-estrutura de água, esgoto, drenagem, pavimentação, transporte passando na porta…”,disse o ministro Fortes. De acordo com ele, na edição do Fórum no Rio, que se chamará Cidade Cidadã, haverá a integração de temas da urbanização aos problemas das comunidades marginalizadas pela violência e vulneráveis socialmente.

“A cidade precisa estar disponível para essas pessoas também”, acrescentou. Para o governador Sérgio Cabral, além de atrair investimentos e turistas, o Rio lucrará com a troca de experiências. Nesse sentido, o estado também terá o que mostrar. “O PAC [Programa de Aceleração do Crescimento] das favelas é uma iniciativa conjunta [dos governos] e um caso de repercussão internacional”, declarou.

O PAC em comunidades carentes do Rio conta com R$ 17 bilhões a serem investidos até 2010. O dinheiro ds das três esferas de governo será aplicado na ampliação de ruas,saneamento e construção de casas, por exemplo. No total, serão R$ 106,3 bilhões, dinheiro que também será investido na despoluição e drenagem de rios e na construção de redes de abastecimento de água, em todo o estado.

Agência Brasil

Sobre

- Redação AMAEsta notícia foi selecionada pela redação do site AMAnatureza e disponibilizada aos leitores do projeto citando a fonte e créditos autorias de acordo com os direitos de divulgação estabelecidos pela instituição responsável.Ver todas as publicações de - Redação AMA »

Deixar uma Resposta

Você precisa estar logado para publicar um comentário.