Tradução – Os significados da notícia

Todos os dias publicamos novos conteúdos e conquistamos um número cada vez maior de usuários. A equipe do portal AMA agradece a todos os usuários que acessam constantemente este site, que já é uma referência nacional sobre preservação ambiental e desenvolvimento sustentável. E lembre-se, não basta apenas conhecer os problemas, é necessário agir! Cada um fazendo sua parte, de forma consciente, ajuda a melhorar o ambiente em que todos nós vivemos.

Tradução – Os significados da notícia

 

NOTÍCIA:  Foi um dia de festa, ontem, no marco zero da rodovia pavimentada de quatro pistas, iniciada na ponte sobre o rio Piranha no Estado de Mato Grosso. Estende-se por 325 quilômetros até a nova cidade, ainda sem nome,  recentemente construída pela Cia. Madeireira Santa Margarida, em plena selva inculta do norte do Estado.

       Para a inauguração, compareceram, além da Presidente da Nação, o Governador, Ministros, autoridades locais e diversos deputados e senadores.

       Discursando na ocasião, o Sr. Ministro dos Transportes apresentou dados alusivos à majestosa obra, indicando que foram gastos 800 milhões de reais, exigindo a mobilização de 8.000 operários e 600 funcionários de suporte. As máquinas modernas, em apenas dois anos,  conseguiram limpar o leito da estrada retirando 800 mil toneladas de árvores seculares, de difícil eliminação, demonstrando que a engenharia nacional tem competência para concretizar e levar adiante o programa governamental de promover o progresso e desenvolvimento para o país. 

       Após a cerimônia, foi oferecido um churrasco à população local, ocasião em que houve discursos, danças, muita alegria, fartura de bebidas e grandes esperanças no surto de progresso que a nova rodovia trará para a região.

TRADUÇÃO: Foi um dia de angustia e desolação, ontem, no término da obra de destruição de grande área no Estado de Mato Grosso, uma estrada com 325 km de extensão, desde a ponte sobre o rio Piranha até o núcleo de invasão construído por uma madeireira pertencente, ao que parece, à piedosa Santa Margarida que, renunciando a seus poderes celestiais, recebe ordens de algum malfeitor terreno.

       Para cultivar suas vaidades, compareceram diversas personalidades públicas, fugindo assim de suas obrigações funcionais.

       Tentando justificar-se, o Sr. Ministro dos Transportes confessou em discurso que, utilizando o trabalho inconsciente de  8.600 empregados, conseguiu assassinar aproximadamente 80 milhões de seres vivos do reino vegetal e quantidade incalculável de espécies do reino animal. E ainda se vangloriou da matança, salientando que sua ação representa progresso e desenvolvimento, demonstrando assim não ter consciência  do alcance destrutivo de tais ações.

       Após a cerimônia macabra, refestelaram-se com um churrasco de 4 bois que, na véspera, degustando excelente capim na placidez das pastagens, dialogavam entre si sobre até que ponto poderiam considerar sincera a amizade do pecuarista.

============

NOTÍCIA:  Segundo informe divulgado pela Associação dos Fabricantes de Automóveis no Brasil, foram produzidos 3.000.000 de veículos no ano de 2010, o que representa um incremento considerável em comparação com o ano de 1990, quando foram fabricadas apenas 160.000 unidades.

       Tais dados evidenciam o grande progresso alcançado pelo país em apenas 20 anos, período em que foram criados 100.000 empregos diretos e mais de 280.000 indiretos, sem computar os seguramente 400.000 empregos conseqüentes, distribuídos nas atividades paralelas.

       Esses informes evidenciam uma grande melhoria no nível de vida de significativa parcela de nossa população. Isso propiciou aos trabalhadores em geral confortos adicionais, como aquisição de aparelhos eletrodomésticos e demais produtos tecnológicos que, pelo encadeamento com as demais atividades econômicas, colaborou para que o Brasil se colocasse numa boa posição econômica ante os outros países.        

TRADUÇÃO: Segundo informe divulgado pela Associação dos Fabricantes de Automóveis no Brasil, foram destruídos mananciais pelas mineradoras de ferro e poluída intensamente a atmosfera com gases impróprios à vida em valores correspondentes a 3.000.000 de veículos no ano de 2010, o que representa um aumento considerável na velocidade de destruição do planeta em comparação com o ano de 1990, quando a natureza teve um sofrimento alusivo a apenas 160.000 unidades.

      Tais dados evidenciam a grande desgraça alcançada pelo país em apenas 20 anos, período em que foram criados 100.000 engajamentos inconscientes diretos e mais de 280.000 indiretos, sem computar os seguramente 400.000 alistamentos inconscientes, distribuídos nas demais atividades destrutoras paralelas.

      Essas ações evidenciam uma piora no nível de vida de grande parcela de nossa desinformada população. Isso propiciou aos trabalhadores em geral confortos prejudiciais, como aquisição de aparelhos eletrodomésticos e tecnológicos que, pelo encadeamento das atividades econômicas, colaborou para que o Brasil se colocasse numa ilusória boa posição ante os outros países.

Sobre

Maurício Gomide83 anos, pensador e escritor ambientalista. Reside atualmente em Belo Horizonte(MG), colaborando em diversos blogs ambientalistas. BLOG: http://planetafala.blogspot.comVer todas as publicações de Maurício Gomide »

Deixar uma Resposta

Você precisa estar logado para publicar um comentário.